destaque ods

Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

A Agenda 2030 é fruto do trabalho conjunto de governos e cidadãos de todo o mundo para criar um novo modelo global para acabar com a pobreza, promover a prosperidade e o bem-estar de todos, proteger o ambiente e combater as alterações climáticas e integra 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), que deverão ser implementados por todos os países e que abrangem áreas tão diversas, mas interligadas, como: o acesso equitativo à educação e a serviços de saúde de qualidade; a criação de emprego digno; a sustentabilidade energética e ambiental; a conservação e gestão dos oceanos; a promoção de instituições eficazes e de sociedades estáveis e o combate à desigualdade a todos os níveis.

Compromissos da UTAD e atividades para 2019

A UTAD pretende contribuir ativamente para alcançar os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Agenda 2030, por isso tomamos a opção de alinhar o plano estratégico para o quadriénio 2017-2021 “Uma Eco universidade para o Futuro” à Agenda 2030. Desde logo, no quadro dos valores da UTAD, assumimos a centralidade e valorização das pessoas e da sua participação, a importância da igualdade e da inclusão, e a promoção da sustentabilidade. Por outro lado, afirmamo-nos como instituição que pensa global e age local e globalmente, envolvida na reflexão e na ação por um mundo mais próspero e sustentável, com uma cultura de responsabilidade social, colaborativa e de trabalho em rede, focada na qualidade e com uma visão internacional, em interação com o mundo científico, empresarial, político e com a sociedade em geral.
Como compromissos gerais, transversais aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), salientam-se:

  • O reforço da componente de internacionalização do conhecimento produzido pela UTAD, que se reflete em vários ODS, associado aos mecanismos de divulgação e promoção das boas práticas de ciência aberta e partilha de conhecimento;
  • A inclusão da Agenda 2030 e dos ODS na estrutura curricular dos vários cursos ministrados pela UTAD;
  • O reforço do papel da UTAD enquanto veículo e promotor da Agenda 2030 no contexto das suas relações com a comunidade, com as empresas e com entidades públicas ou privadas.

Atividades para 2019

ods1
Apoio a estudantes com dificuldades através do Fundo de Apoio Social.
Atribuição de bolsas de estudo por via do mecenato (Symington Estates, Fundação Maria Rosa, Fundação Júlio Resende e outras instituições).
Qualificação das infraestruturas de apoio social, tendo como base a cultura organizacional de promoção do conforto, funcionalidade e sentido de comunidade.
ods2
Combate ao desperdício alimentar e fornecimento de sobras a instituições da comunidade e apoio a organizações locais com intervenção nesta área (Caritas, Refood, etc.).
Apoio à Aliança Contra a Fome e a Má-Nutrição na preparação do mapa da distribuição da ajuda alimentar em Portugal.
Instalação da delegação do Centro Fraunhoffer em agricultura de precisão.
ods3
Apoio médico, psicológico e de enfermagem a estudantes e trabalhadores através dos SASUTAD.
Implementação de programa de atividades desportivas, culturais e de responsabilidade social, através da Biblioteca, do Setor de Atividades Culturais e Desportivas dos SASUTAD e da Associação Académica.
Educação para o consumo de alimentos frescos, divulgação de informação nutricional das ementas e incentivo às escolhas saudáveis.
ods4
Acompanhamento do percurso escolar dos estudantes, através de iniciativas de acolhimento, tutoria, aumento das competências e prevenção do abandono, que lhes permita atingir o melhor sucesso escolar.
Consolidação de formas de apoio a estudantes, com destaque para os estudantes com necessidades especiais.
Reforço da visibilidade da Ciência e Tecnologia na sociedade em geral e na comunidade educativa em particular, pela promoção de uma Universidade de Verão, do Dia Aberto, e pela continuidade da Semana de Ciência & Tecnologia, da Universidade Júnior e da Semana da Ciência e Sociedade.
ods5
Comemoração do Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres e dinamização de outras iniciativas neste âmbito.
ods6
Implementação do Plano de Gestão de Resíduos e conceção de Plano de Ação para o Tratamento de Efluentes Líquidos, incluindo formação para a academia.
ods7
Certificação do campus no âmbito das normas NP EN ISO 14001 e 50001, incluindo formação para a academia e divulgação de boas práticas para a sustentabilidade ambiental.
Execução das medidas de melhoria de eficiência energética dos edifícios, tendo em vista uma redução do consumo e da emissão de gases com efeitos de estufa.
ods8
Renovação do corpo docente, incluindo concursos para investigadores e professores auxiliares.
Valorização dos recursos humanos incluindo a abertura de concursos para professores associados e catedráticos e a mobilidade inter-carreiras de funcionários não docentes.
Implementação do Plano Formação Pedagógica para docentes em articulação com o consórcio UNorte.pt.
Capacitação dos trabalhadores não docentes e não investigadores.
ods9
Desmaterialização de processos académicos e administrativos, ampliando à tramitação da aquisição de bens e serviços, fatura eletrónica, boletins itinerários e processo de contratação de docentes.
Reforço de conetividade em colaboração com a Fundação para a Computação Científica Nacional (FCCN) e preparação de candidatura para reforçar a conetividade interna no campus e na área residencial.
Criação do gabinete de inovação que tem como objetivos dinamizar a pré-incubação com o Regia Douro Parque, a transferência de tecnologia, inovação e propriedade industrial, e a promoção da cultura de empreendedorismo.
ods10
Apoio a estudantes com dificuldades através do Fundo de Apoio Social.
Atribuição de bolsas de estudo por via do mecenato (Symington Estates, Fundação Maria Rosa, Fundação Júlio Resende e outras instituições).
Promoção da leitura circular através de Bookcrossing na Biblioteca: partilha de livros para fruição e incentivo do gosto pela leitura.
Consolidação de formas de apoio a estudantes, com destaque para os estudantes com necessidades especiais.
ods11
Certificação do campus (normas NP EN ISO 14001 e 50001) e dinamização de formação e divulgação de boas práticas de sustentabilidade ambiental.
Realização de eventos de interação com a sociedade, Eco@utad e do Summer Innovation Campus.
Promoção de iniciativas de fruição do campus pelos membros da comunidade, garantindo que é espaço verde, seguro e acessível.
Capacitação do plano de mobilidade sustentável, envolvendo o inicio da construção de uma ciclovia em articulação com a autarquia, ao abrigo do Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU) financiado pelo Norte 2020 e ainda o reforço do programa U-bike em curso.
Criação da plataforma destinada à gestão de recursos e contabilização do sequestro de carbono no campus.
ods12
Desenvolvimento de investigação e sistematização e divulgação de conhecimento sobre a gestão sustentável de recursos naturais, a promoção de sistemas agrários sustentáveis e a valorização de produtos agrícolas e agroalimentares regionais e locais.
ods13
Desenvolvimento de investigação e sistematização e divulgação de conhecimentos sobre as alterações climáticas e seus impactos.
ods14
Participação no programa doutoral internacional “Do Mar” envolvendo um consórcio de universidades e instituições de investigação de Portugal (Universidades de Aveiro, Minho e Trás-os-Montes e Alto Douro) e de Espanha (Universidades de Vigo, Santiago de Compostela e Coruña, Instituto Español de Oceanografia e Consejo Superior de Investigaciones Cientificas), assim como a parceria com School of Biology da St. Andrews University (Escócia), a Station Biologique de Roscoff da Université Pierre et Marie Curie (França) e o Instituto de Oceanografia da Universidade de São Paulo (Brasil).
ods15
Apoio ao Centro de Ciência de Vila Real na realização de iniciativas de fomento da consciencialização ambiental, da proteção da biodiversidade animal e vegetal e do espírito de cidadania face ao mundo natural que nos rodeia.
Valorização do Eco-Campus como espaço de promoção da biodiversidade e conservação dos ecosistemas, realizando atividades de informação e formação envolvendo a academia e a comunidade.
Implementação do plano de gestão de resíduos e conceção de um plano de ação para o tratamento de efluentes líquidos, incluindo atividades de formação para a academia.
Apoio à recuperação de animais selvagem através do Centro de Recuperação de Animais Selvagens do Hospital Veterinário da UTAD.
Instalação na UTAD dos Laboratórios Colaborativos nas áreas da Floresta e da Vinha e do Vinho.
ods16
Realização de programa de eventos de integração de estudantes Erasmus e internacionais e de promoção da multi e interculturalidade, em articulação com ESN e Associações de Estudantes Africanos e Brasileiros.
Revisão e atualização do Plano de Prevenção de Riscos e Infrações Conexas da UTAD.
ods17
Participação no projeto de reforço da capacidade do Ensino Superior e da formação de Professores com a Universidade de S. Tomé e Príncipe, em colaboração com o Instituto Superior Técnico e o Instituto Politécnico de Leiria.
Reforço da cultura de internacionalização envolvendo, entre outras ações, a disponibilização de conteúdos pedagógicos em língua inglesa, incluindo planos de estudos e informação na página web e na intranet.
Reforço da rede de parcerias internacionais, incluindo a adesão ao Grupo Compostela de Universidades. Reforço da participação de docentes e de investigadores em eventos de dimensão internacional.
Promoção de um programa de atividades no quadro da Cátedra UNESCO em Geoparques, Desenvolvimento Regional Sustentável e Estilos de Vida Saudáveis.
Acolhimento da Cimeira ibero-americana de Universidades em colaboração com a Secretaria Geral Ibero-Americana, potenciando a realização de protocolos de cooperação.