A política para a qualidade tem 3 objetivos principais: o primeiro é o desenvolvimento de uma cultura organizacional, visando a melhoria e o estímulo à criatividade e à responsabilidade, envolvendo e motivando toda a comunidade académica nos processos relativos à qualidade; o segundo objetivo consiste na interiorização de uma cultura de qualidade transversal a todas as atividades e projetos, na qual a avaliação seja encarada como um elemento natural da atividade da instituição; e o terceiro objetivo pretende conciliar a perspetiva da melhoria institucional com a obrigação de fornecer informação crítica e demonstrar a capacidade de cumprimento da missão estatutária da UTAD na sociedade.

A política de garantia da qualidade da UTAD está alinhada com a estratégia institucional, a qual assume, como princípio nuclear, a visão partilhada da missão e valores da Universidade, traduzida num plano estratégico. A sua operacionalização envolve todos os níveis da instituição e está alinhada com o Programa de Ação para o Quadriénio O Plano Estratégico é concretizado operacionalmente através de planos específicos de ação, tanto a nível institucional como de Escolas e Serviços.

Os princípios para a definição de procedimentos e mecanismos institucionalizados para a monitorização sistemática, avaliação e intervenção com vista à melhoria estão fundamentados no Manual de Qualidade.