Modelos Barras FUNDOS v04 3logos

Designação do projeto | IES em Rede – Interoperabilidade entre Instituições de Ensino Superior

Código do projeto | POCI-02-0550-FEDER-012450

Objetivo principal | OT 2 – Melhorar o acesso às tecnologias da informação e da comunicação, bem

como a sua utilização e qualidade

Região de intervenção | Norte e Centro

Entidade beneficiária principal | UNIVERSIDADE DE AVEIRO

Entidade co-beneficária | UNIVERSIDADE DE TRAS OS MONTES E ALTO DOURO | UNIVERSIDADE DO PORTO | UNIVERSIDADE DE COIMBRA | INSTITUTO POLITÉCNICO DO PORTO | UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR

Data de início | 1 de Janeiro de 2014

Data de conclusão | 31 de Dezembro de 2020

Custo total elegível do Projeto| 2.948.515,26€

Custo total elegível da UTAD| 365 363,41€

Apoio financeiro da União Europeia UTAD| 310.558,90€

Objetivos |

Os objetivos que se pretendem atingir com esta operação são:

– Dar cumprimento ao princípio Only-once nas IES do consórcio, disponibilizando na iAP um conjunto alargado

de certidões e certificados;

– Criar um Balcão Único para o Ensino Superior para disponibilizar o acesso à informação académica dos cidadãos

(certidões e certificados), suportada na Plataforma de Interoperabilidade desenvolvida no âmbito da operação IES+Perto, integrado com a iAP, com a Plataforma de Pagamentos e com o Portal do Cidadão;

– Desenvolver em consórcio uma plataforma de gestão de Article Processing Charges, para integração com os CRIS

das instituições participantes no consórcio e com o CRIS nacional;

– Dar continuidade ao esforço de racionalização de centros de dados e de reforço de computação na nuvem;

– Desenvolver e implementar conjuntamente políticas de segurança informática;

A presente operação enquadra-se plenamente no disposto no Artº. 81º, a) e b) do RECI, nomeadamente:

  1. Melhoria do acesso às TIC, decorrente da implementação das vertentes de melhoria de interfaces de utilização e de salvaguarda remota de dados. A expansão da Plataforma de Interoperabilidade com as novas funcionalidades para suporte de um Balcão Único para o Ensino Superior (repositório de diplomas, certidões, CV digital) e para registo e controlo da publicação de artigos científicos permitirá um acesso integrado a uma variedade de serviços, conduzindo também a uma simplificação do acesso aos serviços de TIC;
  2. Reforço da capacidade institucional das autoridades públicas e das partes interessadas e da eficiência da Administração Pública, designadamente as vertentes para reforço da computação em nuvem e a definição de uma arquitetura de segurança global.