Grau Académico
Master's degree
Objetivos
De modo a corresponder às expectativas dos alunos e às solicitações da sociedade, relativamente aos futuros profissionais, o ensino das Ciências Veterinárias abrange um vasto campo de aplicações, queque compreendem 11 semestres distribuídos por 2 Ciclos de Estudos e incluem:
- O exercício clínico em animais de companhia, de cativeiro e exóticos, diagnosticando a etiologia dos processos mórbidos e prescrevendo a terapêutica adequada e elaborando corretamente um esquema profilático. Outra atividade clínica incide nas espécies de vocação zootécnica e nas de recreio e desporto, relevante não apenas na economia das explorações, mas também em saúde pública.
- A Saúde Pública cuja atividade ultrapassa a intervenção ao nível da exploração, traduz-se ainda por uma ação bastante mais abrangente, com particular relevo no controlo das zoonoses transmissíveis pelas diversas espécies animais domésticas, cinegéticas e selvagens.
- A Tecnologia Alimentar, a Inspeção Sanitária no domínio da Segurança Alimentar permitem o acompanhamento do produto desde a produção ao consumo, assegurando a qualidade higieno-sanitária e alimentar do produto final. Estas áreas e tantas outras relacionadas como a biotecnologia e o diagnóstico, a polícia sanitária e a epidemiovigilância, são imprescindíveis à intervenção do Médico Veterinário.
Área CNAEF
Ciências Veterinárias
(640) Portaria n.º 256/2005
Plano de Estudos/Diário da República
Horário
Semanal: Diurno
Duração
11 Semestres
ECTS
330
Saídas Profissionais
- Biotecnologia e diagnóstico
- Clínica de animais de companhia
- Clínica de espécies pecuárias
- Clínica de espécies exóticas e selvagens
- Produção e melhoramento animal
- Sanidade animal
- Polícia Sanitária e Epidemiovigilância
- Tecnologia dos produtos de origem animal
- Inspeção Sanitária
- Higiene e Saúde Pública
Perfil do Diplomado
Mestre em Medicina Veterinária.
Entidades onde Exercer
-Consultórios, clínicas e hospitais veterinários;
- Entidades públicas (DGAV, ASAE, entre outras);
- Indústria alimentar;
- Sector da distribuição de alimentos;
- Restauração e Catering;
- Laboratórios de controlo de qualidade de produtos alimentares;
- Laboratórios de análises e diagnóstico;
- Empresas de biotecnologia;
- Empresas de nutrição animal;
- Empresas farmacêuticas;
- Universidades e centros de investigação.
Código DGES
9847 (ver mais informações)
Vagas
82
Condições de Acesso
Preferência Regional:
não aplicável

Pré-requisitos:
Tipo - Seleção
Grupo B – Comunicação Interpessoal
Provas de Ingresso
02 Biologia e Geologia e 07 Física e Química
Nota Mínima
Provas de ingresso: 95 (escala de 0-200)
Nota de candidatura: 95 (escala de 0-200)
Nota do Último Aluno Colocado na 1ª Fase
2018: 162,8
2017: 160,6
Cálculo da Nota de Acesso
Média do Secundário: 65%
Provas de Ingresso: 35%
Data da Decisão
27-06-2016
Deliberação da A3ES
Data do Registo
18-03-2011
Validade
27-06-2022