Grau Académico
Licenciado (pós-Bolonha)
Objetivos
A Licenciatura em Genética e Biotecnologia é um curso de 1º ciclo com a duração de 6 semestres e 180 ECTS, que visa a formação de Técnicos Superiores e Investigadores com uma sólida e atualizada formação científica, teórica e prática, nas áreas científicas da Genética, Biotecnologia, Biologia, Bioquímica, Virologia, Química, perspetivando-se que esses licenciados prossigam as sua especialização futura em Mestrados mais orientados como “Genética Molecular Comparativa e Tecnológica”, “Biotecnologia para as Ciências da Saúde” e “Biotecnologia Molecular Vegetal”, entre outros.
Área CNAEF
Biologia e Bioquímica
(421) Portaria n.º 256/2005
Horário
Semanal: Diurno
Duração
6 semestres
ECTS
180
Prémios ou Destaques
Saídas Profissionais
Um licenciado em Genética e Biotecnologia pode desempenhar funções ligadas a atividades de investigação, técnicas e de consultoria, tanto em entidades públicas como privadas, ou em regime liberal, sob as seguintes vertentes:
- Realizar investigação científica em universidades, institutos, centros de investigação e laboratórios públicos ou privados;
- Trabalhar nas áreas de saúde pública e investigação médica;
- Desempenhar funções em serviços especializados (biotecnologias e genética, incluindo diagnóstico, forense e autenticidade de produtos);
- Fornecimento e prestação de serviços técnicos e profissionais na área da genética e biotecnologia em vendas e marketing.
Outras saídas:
- Trabalhar na área de jornalismo científico, em
revistas especializadas, empresas de venda de material científico, organismos e comissões reguladoras;
- Consultadoria a empresas privadas e estatais;
- Criação de empresas de biotecnologia
(empreendedorismo)
Perfil do Diplomado
Investigadores com uma sólida e atualizada formação teórica e prática, nas áreas científicas da Genética, Biotecnologia, Biologia, Bioquímica, Virologia e Bioquímica.
Os licenciados possuem uma sólida formação científica, suportada pela forte componente prática laboratorial, e um contacto muito estreito com a realidade da investigação científica nacional e internacional.
Entidades onde Exercer
- Instituições de Ensino Superior;
- Indústria biotecnológica, farmacêutica, química, agroalimentar, agroquímica;
- Gabinetes de projeto e de consultoria;
- Instituições de investigação científica e desenvolvimento tecnológico;
- Análises clínicas, agroalimentares e desenvolvimento de produtos (laboratórios de análises clínicas, de alimentos);
- Centros médicos e hospitalares;
- Empresas ou entidades reguladoras e de consultadoria;
- Empresas comerciais;
- Empresas de prestação de serviços.
Código DGES
9761 (ver mais informações)
Vagas
60
Condições de Acesso
Preferência Regional:
não aplicável

Pré-requisitos:
não exigidos
Provas de Ingresso
Uma das seguintes provas: 02 Biologia e Geologia; 07 Física e Química; 16 Matemática
Nota Mínima
Provas de ingresso: 95 (escala de 0-200)
Nota de candidatura: 95 (escala de 0-200)
Nota do Último Aluno Colocado na 1ª Fase
2019: 128,5
2018: 136,6
2017: 133,2
Cálculo da Nota de Acesso
Média do Secundário: 65%
Provas de Ingresso: 35%
Data da Decisão
06-04-2016
Deliberação da A3ES
Data do Registo
18-03-2011
Validade
06-04-2022