Grau Académico
Master's degree
Objetivos
O ciclo de estudos conducente ao grau de Mestre em Engenharia Alimentar pretende oferecer uma formação sólida e avançada com recurso à atividade de investigação em domínios da Qualidade e Segurança Alimentar, Química Alimentar, Tecnologia Alimentar, Biotecnologia e Microbiologia, aprofundando os conhecimentos adquiridos em cursos de formação inicial com os seguintes objetivos principais:
a) Desenvolver e consolidar competências profissionais no plano técnico e cientifico que permitam uma intervenção de excelência no âmbito da Engenharia Alimentar, visando a sua empregabilidade.
b) Adquirir capacidade para avaliar, inovar, planear e concretizar novos processos que permitam a resolução de questões ou problemas de natureza específica no domínio da Engenharia Alimentar.
c) Desenvolver a capacidade para o estudo autónomo e análise crítica de novas matérias.
d) Reforçar as competências para a investigação que habilitem a uma atualização constante ao longo da vida.
e) Promover a aquisição de competências de investigação para o acesso ao 3º ciclo de estudos, em instituições nacionais/estrangeiras.
Área CNAEF
Indústrias Alimentares
(541) Portaria n.º 256/2005
Horário
O 2º ciclo em Engenharia Alimentar iniciará as atividades letivas na semana de 10 a 14 de Outubro de 2016, consoante o horário a publicar.As atividades letivas decorrerão em horário laboral diurno.
Duração
2 anos
ECTS
120
Saídas Profissionais
Mestres em Engenharia Alimentar ficam aptos a desenvolver atividades profissionais em empresas alimentares, em laboratórios responsáveis pelo controlo de qualidade de produtos alimentares, assim como em entidades que se destinem à investigação na área da Qualidade e Tecnologia Alimentar e da Biotecnologia Alimentar. Entre outras, estes mestres ficarão especialistas para o desempenho das seguintes funções:
- Desempenhar funções de controlo de produção e de qualidade alimentos;
- Avaliação dos riscos higiénico-sanitários e toxicológicos;
- Implementação de sistemas de HACCP;
- Fornecimento e prestação de serviços técnicos, profissionais ou de consultoria em empresas da área alimentar;
- Conceção e desenvolvimento de novos produtos e respetivas estratégias de marketing e comercialização de produtos alimentares;
- Realizar investigação científica e desenvolvimento tecnológico em universidades, centros de investigação e laboratórios públicos ou privados;
- Desenvolvimento e validação de métodos analíticos indispensáveis aos controlos de qualidade alimentar, quer a nível da análise química quer a nível da análise microbiológica.
- Conceção e Desenvolvimento de Novas Tecnologias de Produção de Alimentos
Código DGES
9567
Condições de Acesso
Estrutura do Curso
O Mestrado em Engenharia Alimentar está organizado num ciclo de estudos com a duração de dois anos, correspondendo a 120 ECTS.
O ciclo de estudos conducente ao grau de Mestre integra:
1) um curso de especialização composto por um conjunto de unidades curriculares com um tronco comum no 1º semestre e divididas em três ramos (Biotecnologia Alimentar, Qualidade Alimentar, Segurança Alimentar) no 2º semestre, a que correspondem 50% do total de créditos do ciclo de estudos; a realização, com sucesso, das unidades curriculares que integram a parte curricular do curso confere um curso de especialização em:
a) Engenharia Alimentar área de especialização Biotecnologia Alimentar
b) Engenharia Alimentar área de especialização Qualidade Alimentar
c) Engenharia Alimentar área de especialização Segurança Alimentar
2) uma dissertação de natureza científica, especialmente realizada com este propósito, que corresponde a 50% do total de créditos previstos no presente ciclo de estudos. No final deste ciclo será atribuído um diploma de Mestre em Engenharia Alimentar.
Data da Decisão
18-05-2015
Deliberação da A3ES
Data do Registo
29-06-2015
Validade
18-05-2021