Grau Académico
Licenciado (pós-Bolonha)
Objetivos
A Licenciatura em Comunicação e Multimédia pretende formar profissionais aptos a responder às solicitações da sociedade atual, com especial incidência nas novas formas de comunicação em suporte digital, onde a produção de conteúdos multimédia e a Internet assumem um papel relevante. O licenciado a formar deverá, por isso, possuir uma formação sólida na área das tecnologias ligadas à edição e publicação de informação, com ênfase nas tecnologias de base digital, à produção de conteúdos e ao desenvolvimento de aplicações multimédia, baseados na Internet ou em suportes offline. O profissional de Comunicação e Multimédia cultiva um espírito de curiosidade permanente, que o caracteriza pela incansável procura, ampliação e atualização de conhecimentos, indispensável face à rápida evolução das tecnologias na era do conhecimento digital.
Para além destes objetivos, a Licenciatura em Comunicação e Multimédia pretende, também dota-los de capacidades de realização de projetos e de investigação nas áreas do Design, Conteúdos Multimédia e Web, incluindo projetar e realizar produtos, aplicações ou serviços multimédia através do recurso às tecnologias digitais e projetar e realizar produtos audiovisuais criativos para comunicação multissensorial / interativa. Dos licenciados com esta formação, correspondente ao 1º ciclo, espera-se, ainda, a posse de capacidades para resolver problemas na sua área profissional, saber recolher, selecionar e interpretar informação específica da área, saber fundamentar e comunicar as soluções propostas, desenvolver competências e motivação para a aprendizagem ao longo da vida. Mais ainda, o profissional de comunicação multimédia deverá integrar num todo coerente o desenvolvimento de projetos (em diferentes suportes/através de diferentes meios) com apurada qualidade estética, técnica e conceptual.
Área CNAEF
Áudio-Visuais e Produção dos Media
(213) Portaria n.º 256/2005
Plano de Estudos/Diário da República
Horário
Semanal: Diurno
Duração
6 semestres
ECTS
180
Saídas Profissionais
Os licenciados em Comunicação e Multimédia (CM) destinam-se a integrar os quadros de empresas/organizações/equipas na área das Tecnologias da Informação e Comunicação, nomeadamente as vocacionadas para:
- Desenvolvimento de projetos Multimédia;
- Adaptação e gestão de Sistemas de Difusão de Informação e sua produção, comercialização e/ou manutenção;
- Desenvolvimento de aplicações WEB, aplicações e produtos multimédia para sistemas de comunicação móveis;
- Jogos e animação por computador;
- Produção multimédia institucional (imagem corporativa,
marketing, comunicação empresarial);
- Produção pedagógica/educacional;
- Produção de vídeo (ficção, documentário, publicitário);
- Desenvolvimento de projetos no âmbito da cultura;
- Proceder a instalações multimédia e de artes digitais;
- Produzir visualizações 3D para gabinetes de arquitetura.
Perfil do Diplomado
A Licenciatura em Comunicação e Multimédia (CM) pretende formar profissionais capazes de responder às solicitações da sociedade atual, com especial incidência nas novas formas de comunicação em suporte digital, onde a produção de Conteúdos Multimédia e a Internet assumem um papel relevante. O profissional a formar deverá, por isso, possuir uma base sólida nas áreas tecnológicas ligadas:
- À edição e publicação de informação, com ênfase nas tecnologias de base digital;
- À produção de conteúdos;
- Ao desenvolvimento de aplicações multimédia, baseadas na
web ou em suportes offline.
Para além destes objetivos, pretende-se, ainda, dotar os futuros profissionais de capacidades de realização de projetos e de investigação nas áreas do Design, dos Conteúdos Multimédia e da Web, incluindo, projetar e realizar produtos, aplicações ou serviços multimédia, recorrendo às tecnologias digitais.
Em resumo, espera-se que os licenciados em CM sejam capazes de resolver problemas na sua área profissional, saber recolher, selecionar e interpretar informações específicas da área, saber fundamentar e comunicar as soluções propostas, desenvolver competências e motivação para a aprendizagem ao longo da vida.
Entidades onde Exercer
Poderão vir a exercer funções, entre outros:
- No setor dos serviços e/ou no setor industrial;
- Na administração pública;
- Nos media;
- No ensino e na investigação;
As áreas como a produção e difusão de conteúdos, impulsionados por forte motivação económica (p.e. Televisão Digital) também são uma potencial fonte de recrutamento para empregar um elevado número de profissionais com este perfil.
Código DGES
9052 (ver mais informações)
Vagas
54
Condições de Acesso
Preferência Regional:
não aplicável

Pré-requisitos:
não exigidos
Provas de Ingresso
Uma das seguintes provas: 10 Geometria Descritiva; 16 Matemática; 18 Português
Nota Mínima
Provas de ingresso: 95 (escala de 0-200)
Nota de candidatura: 95 (escala de 0-200)
Nota do Último Aluno Colocado na 1ª Fase
2018: 129,1
2017: 130,3
Cálculo da Nota de Acesso
Média do Secundário: 65%
Provas de Ingresso: 35%
Data da Decisão
04-01-2017
Deliberação da A3ES
Data do Registo
18-03-2011
Validade
04-01-2023