EN

MESTRADOS | DOUTORAMENTOS - 1ª FASE

CANDIDATURAS | DE 8 a 21 DE MAIO DE 2017

 

 

RESULTADOS - FASE 1

 

 

 

 

 

Os resultados das candidaturas ao ingresso nos cursos de mestrado e de doutoramento para frequência no ano letivo de 2017|2018  serão publicitados nesta página da internet durante o dia de hoje.​


 

 

Formalização da candidatura:
 
A candidatura poderá ser realizada presencialmente nos locais identificados ou on-line através da página da internet dos Serviços Académicos (o upload dos documentos é obrigatório)
 
Locais de candidatura presencial:
 
Candidaturas a mestrados:
Núcleo de 1.º e 2.º Ciclo dos Serviços Académicos, rés-do-chão, Edificio da Reitoria, Quinta de Prados, Folhadela, Vila Real. E-mail sautad@utad.pt Telefone 259350049.
 
Candidaturas a doutoramentos:
Núcleo de 3.º Ciclo dos Serviços Académicos, 1.º andar, Edificio da Reitoria, Quinta de Prados, Folhadela, Vila Real. E-mail sautad@utad.pt Telefone 259350049.
 
Escola de Ciências Agrárias e Veterinárias (apenas para candidaturas a cursos afetos a esta escola)
Edifício de Ciências Agrárias e Veterinárias
Gabinete de Apoio da ECAV
Quinta de Prados – UTAD
Folhadela – Vila Real
Contacto: Maria José Correia/Telefone: 259350413/Ext. 2413/e-mail: gaecav@utad.pt
 
Escola de Ciências Humanas e Sociais (apenas para candidaturas a cursos afetos a esta escola)
Edifício Pólo I da Escola de Ciências Humanas e Sociais
Quinta de Prados – UTAD
Folhadela – Vila Real
Contacto:  Laura Rainho/Telefone:/259350120/Ext. 4120/e-mail: sechs@utad.pt

Escola de Ciências e Tecnologia (apenas para candidaturas a cursos afetos a esta escola)
Edifício Pólo I da Escola de Ciências e Tecnologia
Quinta de Prados – UTAD
Folhadela – Vila Real
Contacto: Cristina Santos/Telefone: 259350326/Ext. 2326/e-mail: csantos@utad.pt
 
Escola de Ciências da Vida e do Ambiente (apenas para candidaturas a cursos afetos a esta escola)

Edifício de Geociências
1.º Andar - Sala B2.39
Quinta de Prados – UTAD
Folhadela – Vila Real
Contacto: Cristina Geiroto/Telefone: 259350270 /Ext. 2270/e-mail:  cgeiroto@utad.pt

Escola Superior de Saúde de Vila Real (apenas para candidaturas a cursos afetos a esta escola)

Escola Superior de Saúde
Contacto: Graça Magalhães/Telefone 259350967/e-mail: sec.esenf@utad.pt


Emolumentos:
As candidaturas não estão sujeitas ao pagamento de quaisquer taxas ou emolumentos.
 
Habilitações de acesso:
 
Podem candidatar-se a curso (s) de 2.º ciclo (mestrado):

a) Titulares do grau de licenciado ou equivalente legal;
b) Titulares de um grau académico superior estrangeiro, conferido na sequência de um 1º ciclo de estudos organizado de acordo com os princípios do Processo de Bolonha por um Estado aderente ao Processo;
c) Titulares de um grau académico superior estrangeiro que seja reconhecido como satisfazendo os objetivos do grau de licenciado pelo Conselho Científico da Escola ou pelo Conselho Técnico-Científico da Escola;
d) O Conselho Científico da Escola ou o Conselho Técnico-Científico da Escola, pode admitir, sob proposta da direção de curso, candidatos que não satisfaçam as condições referidas nos números anteriores mas cujo curriculum escolar, científico ou profissional, demonstre adequada preparação para realização do mestrado a que se candidata.
 

Podem candidatar-se a curso (s) de 3.º ciclo (doutoramento):

a) Titulares do grau de mestre;
b) Titulares de um grau académico superior estrangeiro, conferido na sequência de um 2º ciclo de estudos organizado de acordo com os princípios do Processo de Bolonha por um Estado aderente ao Processo;
c) Titulares de um grau académico superior estrangeiro que seja reconhecido como satisfazendo os objetivos do grau de mestre pelo Conselho Científico da Escola;
d) O Conselho Científico da Escola, pode admitir, sob proposta da direção de curso, candidatos que não satisfaçam as condições referidas nos números anteriores mas cujo curriculum escolar, científico ou profissional, demonstre adequada preparação para realização do doutoramento a que se candidata.

A admissão a determinados cursos poderá estar sujeita à satisfação, pelos candidatos, de condições específicas. Aconselha-se a consulta da página da internet da UTAD relativamente a cada um dos cursos que oferece vagas para ingresso no ano letivo 2017/2018 em:
http://www.utad.pt/vPT/Area2/estudar/oferta_educativa/Paginas/listagem_cursos_ciclos.aspx

Instrução da candidatura (presencial):

A candidatura é submetida através do preenchimento do impresso disponível nas Escolas, instruída com os seguintes documentos:

a) Fotocópia do cartão de cidadão, bilhete de identidade ou outro documento de identificação com fotografia para o caso de candidatos estrangeiros;
b) Fotocópia do cartão de contribuinte fiscal;
c) Certificado de conclusão de grau com indicação de média final;
d) Certificado discriminativo das unidades curriculares realizadas, respetivas classificações e ECTS;
e) Curriculum Vitae (académico, científico e profissional);
f) Outros elementos que o candidato entenda ser úteis para apreciação da candidatura.


Instrução da candidatura (online):

No caso de candidaturas online deverá preencher os campos solicitados e efetuar o upload dos documentos identificados para a candidatura presencial.

Informações gerais:

Os interessados que ainda não possuam documento comprovativo de conclusão do grau durante o período de candidatura poderão candidatar-se a curso (s) do 2.º ou 3.º ciclo de estudos, ficando, no entanto, a matrícula dependente da entrega do certificado de informação final.

Os documentos respeitantes a habilitações académicas não conferidas pela UTAD, necessários para instruir a candidatura, estão sujeitos a autenticação no caso de efetivar matrícula, a qual poderá ser efetuada através de:

a) Apresentação de documentos originais e respetivas cópias, no Balcão de Atendimento dos Serviços Académicos, procedendo os Serviços à autenticação da cópia, devolvendo o original;
b) No caso de habilitações estrangeiras, devem ser reconhecidos pelo agente consular português local e/ou legalizados pelo sistema de Apostila nos termos da Convenção relativa à Supressão da Exigência da Legalização de Atos Públicos Estrangeiros (mais conhecida por Convenção de Haia), assinada em Haia, em de 5 de outubro de 1961, à exceção de documentos emitidos por Instituições de Ensino Superior de países da União Europeia. Contudo, em caso de dúvida sobre a documentação apresentada, pode ser solicitado o reconhecimento acima referido ou entrega de documentação complementar a qualquer requerente.

Os documentos de certificação académica devem ser traduzidos sempre que não forem emitidos em português, castelhano, francês ou inglês e visados pelo serviço consular ou apresentados com a aposição da Apostila de Haia, pela autoridade competente do Estado de onde é originário o documento.

A instrução do processo de candidatura é da inteira responsabilidade do candidato.

A apresentação de processos de candidatura incompletos, designadamente no que se refere a elementos essenciais para permitir a sua correta apreciação e a aplicação dos procedimentos de seleção e seriação ou apresentação fora de prazo, poderão implicar o indeferimento liminar dos mesmos.

Pretendendo candidatar-se a mais do que um curso, deverá observar o mesmo procedimento para cada curso isoladamente.

Os estudantes que estiveram matriculados no 1.º ciclo, independentemente de terem frequentado unidades curriculares do 2.º ciclo, terão de efetuar a candidatura ao curso.

Habilitação profissional para o desempenho da atividade docente (mestrados que confiram habilitação profissional para a docência na educação pré- escolar e nos ensinos básico e secundário):

É condição geral de ingresso em cada uma das especialidades de qualquer ciclo de estudos conducente à obtenção do grau de mestre que confira habilitação profissional para a docência na Educação Pré-Escolar e nos Ensinos Básico e Secundário:

- Titularidade dos créditos exigidos para cada domínio da habilitação (no ato de candidatura devem juntar prova documental da realização com sucesso dos créditos da especialidade exigidos para o mestrado que pretendem realizar, discriminando as respetivas classificações e créditos ECTS);
- Domínio oral e escrito da língua portuguesa (realização com sucesso da prova de língua portuguesa).

Seriação:

Os candidatos são admitidos no curso sob proposta da direção de curso, após a deliberação favorável do conselho científico da Escola, de acordo com os seguintes critérios:

a) Adequação e classificação da habilitação de acesso;
b) Currículo académico, científico e profissional;
c) Os candidatos podem ser submetidos a provas de seleção por entrevista.


Os subcritérios e as respetivas ponderações constam de ata própria aprovada pela direção de curso.
Na análise das candidaturas, poderão as direções de curso, caso o entendam, solicitar aos candidatos a comprovação de elementos referidos nos processos ou a entrega de outros documentos.

Divulgação dos resultados:

Após remessa dos resultados das seriações aos Serviços Académicos, serão publicitados na respetiva página da Internet.

Validade das candidaturas:

Os candidatos em posição de suplentes ou colocados que não realizem a matrícula no prazo estabelecido para o efeito, conforme calendário estabelecido, designadamente por não possuírem o certificado de conclusão de grau, têm obrigatoriamente de se candidatar nas seguintes fases concursais, caso mantenham interesse no ingresso no curso (as candidaturas não transitam entre fases).

Os candidatos com a candidatura "não admitida/excluída", caso pretendam, deverão realizar nova candidatura nas fases seguintes.

Propinas:

Os valores de propinas a aplicar no ano letivo de 2017/2018 são os fixados pelo Conselho Geral da UTAD.

Calendário Escolar:

O calendário escolar é o definido para cada curso para o ano letivo de 2017/2018 em conformidade com o calendário aprovado pelo Conselho Académico da UTAD.

 

 

CALENDÁRIO

FASE​ ​AÇÃO ​INÍCIO ​FIM
​​​​​​​​
 
 
 
 
1ª FASE DE CANDIDATURAS ​ ​ ​ ​ ​ ​ ​
AFIXAÇÃO DE VAGAS​ -​ 05-05-2017​
CANDIDATURAS​ 08-05-2017​ 21-05-2017​
SERIAÇÃO​ 22-05-2017​ 25-05-2017​
AFIXAÇÃO DE RESULTADOS​ -​ 26-05-2017​
RECLAMAÇÕES​ 26-05-2017​ 29-05-2017​
AFIXAÇÃO SOBRE RECLAMAÇÕES​ -​​ 31-05-2017​
MATRÍCULAS​ 29-05-2017​ 05-06-2017​
COLOCAÇÃO DE SUPLENTES​ 07-06-2017​​ 12-06-2017​​
 
FASE​ ​AÇÃO ​INÍCIO ​FIM
​​​​​​​​
 
 
 
 
2ª FASE DE CANDIDATURAS ​ ​ ​ ​ ​ ​ ​
AFIXAÇÃO DE VAGAS​ -​ 12-06-2017​
CANDIDATURAS​ 14-06-2017​ 17-07-2017​
SERIAÇÃO​ 18-07-2017​ 21-07-2017​
AFIXAÇÃO DE RESULTADOS​ -​ 25-07-2017​
RECLAMAÇÕES​ 26-07-2017​ 28-07-2017​
AFIXAÇÃO SOBRE RECLAMAÇÕES​ -​​ 31-07-2017​
MATRÍCULAS​ 25-07-2017​ 14-08-2017​
COLOCAÇÃO DE SUPLENTES​ 16-08-2017​​ 28-08-2017​​
 
FASE​ ​AÇÃO ​INÍCIO ​FIM
​​​​​​​​
 
 
 
 
3ª FASE DE CANDIDATURAS ​ ​ ​ ​ ​ ​ ​
AFIXAÇÃO DE VAGAS​ -​ 18-07-2017​
CANDIDATURAS​ 19-07-2017​ 04-09-2017​
SERIAÇÃO​ 06-09-2017​ 08-09-2017​
AFIXAÇÃO DE RESULTADOS​ -​ 11-09-2017​
RECLAMAÇÕES​ 12-09-2017​ 14-09-2017​
AFIXAÇÃO SOBRE RECLAMAÇÕES​ -​​ 18-09-2017​
MATRÍCULAS​ 12-09-2017​ 29-09-2017​
COLOCAÇÃO DE SUPLENTES​ 02-10-2017​​ 06-10-2017​​
 
 
Candidatos internacionais:

Consideram-se estudantes internacionais, nos termos do disposto no Decreto-Lei n.º 36/2014, de 10 de março, todos aqueles que:
 
1. Não tenham nacionalidade portuguesa;
2. Não sejam nacionais de um estado membro da União Europeia;
3. Os cidadãos estrangeiros que não residam legalmente em Portugal há mais de dois anos, de forma ininterrupta, em 31 de agosto do ano em que pretendem ingressar no ensino superior, bem como os filhos que com eles residam legalmente. Não conta para este efeito o tempo de residência com visto de estudos;
4. Os estudantes não abrangidos por um programa de mobilidade internacional, ao abrigo de um acordo de intercâmbio com esse objetivo;
5. Os cidadãos estrangeiros que não tenham ingressado no ensino superior português ao abrigo dos regimes especiais de acesso, no âmbito do Concurso Nacional de Acesso:

-Cidadãos de países africanos de expressão portuguesa;
-Naturais e filhos de naturais de Timor Leste;
-Funcionários estrangeiros de missão diplomática acreditada em Portugal e seus familiares aqui residentes, em regime de reciprocidade.
 
A candidatura é submetida, exclusivamente on-line, através da página da internet dos Serviços Académicos, devendo efetuar o upload dos seguintes documentos:
 
a) Documento de identificação com fotografia;
b) Cartão de contribuinte fiscal;
c) Certificado de conclusão de grau com indicação de média final;
d) Certificado discriminativo das unidades curriculares realizadas, respetivas classificações e ECTS;
e) Curriculum Vitae (académico, científico e profissional);
f) Outros elementos que o candidato entenda ser úteis para apreciação da candidatura.
 
 
 
FASE​ ​AÇÃO ​INÍCIO ​FIM
​​​​​​​​
 
 
 
 FASE EXCLUSIVA PARA
CANDIDATOS INTERNACIONAIS
AFIXAÇÃO DE VAGAS​ -​ 05-05-2017​
CANDIDATURAS​ 08-05-2017​ 12-06-2017​
SERIAÇÃO​ 14-06-2017​ 16-06-2017​
AFIXAÇÃO DE RESULTADOS​ -​ 19-06-2017​
RECLAMAÇÕES​ 20-06-2017​ 23-06-2017​
AFIXAÇÃO SOBRE RECLAMAÇÕES​ -​​ 27-06-2017​
MATRÍCULAS​ 20-06-2017​ 29-09-2017​
COLOCAÇÃO DE SUPLENTES​ 07-11-2017​​ 10-11-2017​​
 
 
 
CURSOS E VAGAS
 
 
Na 2.ª fase de candidaturas serão utlizadas as vagas afetas a esta fase e as sobrantes da 1.ª fase, sendo utilizadas as vagas sobrantes para a 3.ª fase de candidaturas.
A UTAD reserva o direito de não abrir os cursos de mestrado com menos de 10 estudantes matriculados, com exceção dos cursos para os quais as vagas sejam um número inferior. No caso de um curso não entrar em funcionamento, os candidatos poderão ser recolocados noutro curso, a seu pedido, devendo apresentar candidatura ao curso pretendido, podendo ser criadas vagas adicionais, se necessário, por despacho reitoral.
 
 
TIPO CURSO
NOME CURSO
VAGAS TOTAIS 2017/2018
VAGAS 1ª FASE
VAGAS INTERNACIONAIS
Doutoramento - 3º Ciclo
DOUTORAMENTO EM AGRONEGÓCIO E SUSTENTABILIDADE **
15
5
5
Doutoramento - 3º Ciclo
DOUTORAMENTO EM CIÊNCIA ANIMAL
10
5
5
Doutoramento - 3º Ciclo
DOUTORAMENTO EM CIÊNCIAS AGRONÓMICAS E FLORESTAIS
10
5
5
Doutoramento - 3º Ciclo
DOUTORAMENTO EM CIÊNCIAS DA CULTURA
15
5
5
Doutoramento - 3º Ciclo
DOUTORAMENTO EM CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO
15
5
5
Doutoramento - 3º Ciclo
DOUTORAMENTO EM CIÊNCIAS DA LINGUAGEM
10
5
5
Doutoramento - 3º Ciclo
DOUTORAMENTO EM CIÊNCIAS DO DESPORTO
25
5
5
Doutoramento - 3º Ciclo
DOUTORAMENTO EM CIÊNCIAS QUÍMICAS E BIOLÓGICAS
10
5
5
Doutoramento - 3º Ciclo
DOUTORAMENTO EM CIÊNCIAS VETERINÁRIAS
12
5
5
Doutoramento - 3º Ciclo
DOUTORAMENTO EM DESENVOLVIMENTO, SOCIEDADES E TERRITÓRIOS
15
5
5
Doutoramento - 3º Ciclo
DOUTORAMENTO EM DIDÁCTICA DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA
10
5
5
Doutoramento - 3º Ciclo
DOUTORAMENTO EM ENGENHARIA ELECTROTÉCNICA E DE COMPUTADORES
10
5
5
Doutoramento - 3º Ciclo
DOUTORAMENTO EM ESTUDOS LITERÁRIOS
10
5
5
Doutoramento - 3º Ciclo
DOUTORAMENTO EM GENÉTICA MOLECULAR COMPARATIVA
12
5
5
Doutoramento - 3º Ciclo
DOUTORAMENTO EM GEOLOGIA
10
5
5
Doutoramento - 3º Ciclo
DOUTORAMENTO EM INFORMÁTICA
10
5
5
 
 
 
 
 
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM ANTROPOLOGIA
20
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM ASSESSORIA LINGUÍSTICA E REVISÃO TEXTUAL
20
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM ARQUITECTURA PAISAGISTA
25
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM BIOLOGIA CLÍNICA LABORATORIAL
20
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM BIOQUÍMICA
15
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM CIÊNCIAS DA COMUNICAÇÃO
30
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM CIÊNCIAS DA CULTURA
20
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO - ÁREA DE ESPECIALIZAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO EDUCACIONAL
10
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO - ÁREA DE ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO DE ADULTOS
10
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM CIÊNCIAS DO DESPORTO COM ESPECIALIZAÇÃO EM  AVALIAÇÃO E PRESCRIÇÃO NA  ACTIVIDADE FÍSICA
30
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM CIÊNCIAS DO DESPORTO COM ESPECIALIZAÇÃO EM ACTIVIDADES DE ACADEMIA
30
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM CIÊNCIAS DO DESPORTO COM ESPECIALIZAÇÃO EM JOGOS DESPORTIVOS COLECTIVOS
30
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM CIÊNCIAS ECONÓMICAS E EMPRESARIAIS
35
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM COMUNICAÇÃO E MULTIMÉDIA
25
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR E ENSINO DO 1º CICLO DO ENSINO BÁSICO
12
10
0
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM ENFERMAGEM COMUNITÁRIA
15
5
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM ENFERMAGEM DE SAÚDE FAMILIAR
10
5
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM ENGENHARIA AGRONÓMICA
30
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM ENGENHARIA ALIMENTAR
36
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM ENGENHARIA BIOMÉDICA
25
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM ENGENHARIA CIVIL
25
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM ENGENHARIA DE ENERGIAS
*
-
-
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM ENGENHARIA DO AMBIENTE
20
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM ENGENHARIA FLORESTAL
25
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM ENGENHARIA INFORMÁTICA
35
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM ENGENHARIA MECÂNICA
25
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM ENGENHARIA ZOOTÉCNICA
30
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM ENOLOGIA E VITICULTURA
30
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM ENSINO DE EDUCAÇÃO FÍSICA NOS ENSINOS BÁSICO E SECUNDÁRIO
30
10
0
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM ENSINO DE INFORMÁTICA
10
5
0
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM ENSINO DO 1º CICLO DO ENSINO BÁSICO E DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS NATURAIS NO 2º CICLO DO ENSINO BÁSICO
10
5
0
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM ENSINO DO 1º CICLO DO ENSINO BÁSICO E DE PORTUGUÊS E HISTÓRIA E GEOGRAFIA DE PORTUGAL NO 2º CICLO DO ENSINO BÁSICO
10
5
0
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM GENÉTICA MOLECULAR COMPARATIVA E TECNOLÓGICA
20
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM GERONTOLOGIA: ACTIVIDADE FÍSICA E SAÚDE NO IDOSO
25
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM GESTÃO - GESTÃO EMPRESARIAL
30
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM GESTÃO - AGRÁRIA E AGRO-ALIMENTAR
20
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM GESTÃO DOS SERVIÇOS DE SAÚDE
30
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM PSICOLOGIA - ÁREA DE ESPECIALIZAÇÃO EM PSICOLOGIA CLÍNICA
25
8
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM PSICOLOGIA - ESPECIALIZAÇÃO EM PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO E DO DESENVOLVIMENTO
25
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM SERVIÇO SOCIAL - GESTÃO DE ORGANIZAÇÕES
20
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM SERVIÇO SOCIAL - TERRITÓRIO E DESENVOLVIMENTO
20
10
5
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO EM TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO
*
-
-
Mestrado - 2º Ciclo
MESTRADO INTERNACIONAL EM ANÁLISE DA PERFORMANCE DESPORTIVA
7
3
2
* Os estudantes com UC realizadas com êxito no ano letivo de 2016/2017 poderão requerer a matrícula através de requerimento individual
** Aguarda registo